Buscar
  • Histeroclinic

Dispareunia: a dor que compromete o ato sexual

Dispareunia é o nome dado ao transtorno, de causas físicas ou psicológicas, caracterizado pela dor genital durante ou após o sexo.


A falta de informação e o pudor quanto ao assunto podem transformar uma atividade, que deveria ser fonte de prazer, em um verdadeiro tormento. É hora de romper o tabu, não concorda?


Basicamente existem dois tipos de dispareunia: superficial e profunda.

A superficial ocorro logo no início do ato sexual e pode estar relacionado a ressecamento vaginal, diminuição da lubrificação e até mesmo uso de medicamentos.


Já a dispareunia de profundidade ocorre quando ocorre a penetração profunda. Esse tipo de dor pode ser desencadeado por inúmeros motivos e, deve ser investigada de maneira completa através de anamnese e exames de imagem.


Outro ponto importante é que, ao falarmos do transtorno, analisamos casos de incômodos recorrentes – e não episódios únicos ou isolados.


Quanto ao foco da dor, mulheres apontam diferentes locais ou situações, tais como:⤵️

📌Parte externa da vagina, especialmente na vulva;

📌Durante a penetração, incluindo o mal-estar com introdução de absorventes internos ou vibradores;

📌No fundo da vagina, mais próximo ao útero;

📌Após o sexo, podendo perdurar por horas.


A dispareunia não pode ser resolvida por “conta própria”. Jamais trata-se de aprender a suportar a dor. É imprescindível procurar o médico e eliminar todas as hipóteses de doenças que os desconfortos podem sinalizar.


Manter o Check up em dia é fundamental para uma vida saudável e um diagnóstico preciso.


Consulte um de nossos profissionais.


Tags: #ginecologia #histeroscopia #Diu #polipoendometrial #mioma #endometriose #infertilidade #hysteroscopy

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo